quarta-feira, 4 de agosto de 2010

Tudo sobre...os Gatos!!!!!!!!!!



O gato é um mamífero que pode viver de 15 a 39 anos. Com eles, a sua casa vai ficar livre de ratos, baratas e outros animais, que os gatos se encarregam de eliminá-los, tendo, além disso, uma vida livre, mas sempre voltando para o seu lar. Não precisam tomar banho, pois os gatos posssuem a língua áspera, como os demais felinos, que serve para fazer sua limpeza completa.

É importante ressaltar que aquele ''ronquinho'' que o gato faz não é asma, como algumas pessoas imaginam. Esse ''ronquinho''( pode ser bem alto) é a forma de o gato se expressar, assim como o cachorro balança o rabo mostrando que está satisfeito com a presença de seu dono.

Os gatos são caçadores naturais, mesmo que você tente ''humanizá-lo'', nunca conseguirá anular esse comportamento. Os gatos caseiros caçarão, mesmo bem alimentados. Desde pequenos, os gatinhos já brincam como caçadores. Brinque sempre que possível com seu gatinho. Se o seu gato chegar em casa com um rato ou um passarinho na boca, e o colocar a seus pés, significa que está contribuindo com os alimentos da casa. O melhor que você tem que fazer é aceitar. Se você o repreender, ele pensará que não foi satisfatório e deverá caçar novamente, tentando agradar-lhe.

Cada gato tem o seu jeito próprio de ser. Tem aquele que é sempre assustado, aquele paradão, o carinhoso e outros. Há gatos que emitem sons como se estivessem falando, geralmente pedindo comida. Quando o dono não lhe dá importância, viaja frequentemente, deixando-o sozinho, acaba perdendo a amizade do gato. Só se consegue a amizade do gato quando seu dono lhe tratar com carinho novamente.

Os gatos gostam de viver em bandos, quando tiver seu gato, tenha no mínimo dois, para que um possa fazer companhia para o outro. Se já tiver um gato em casa, trate de arranjar outro... ele vai lhe agradecer muito, e você vai ganhar muito com isso também. Cuide bem de seu gatinho e ele lhe dará muito carinho em dobro.


Cuidados com o seu gato:


  • Quando você comprar ou adotar um gato, faça um exame preliminar, que indicará se o gato tem algum problema de saúde.


  • Limpe os olhos com algodão umedecido com água boricada ou água morna( não quente). Use um algodão diferente para cada olho. Não use o cotonete para correr o risco de ferir o animal com a haste.


  • Observe as orelhas do gato em busca de cera excessiva ou uma infecção, o que poderia indicar a presença de carrapatos. Utilize um cotonete( umedecido em óleo de bebê) por orelha, para retirar o excesso de cera e sujeira na cartilagem exterior. Cuidado e não insira o cotonete no canal auditivo!


  • Veja se as gengivas estão inflamadas( gengivas saudáveis são de cor rosa pálida), veja se há tártaro( uma placa marrom na base do dente), dente quebrado, mau-hálito ou qualquer outro problema. A maioria destes problemas requer cuidado veterinário. Os dentes devem estar brancos, sendo que os gatos adultos podem ter dentes ligeiramente amarelados pelo tártaro.


  • Sua barriguinha deve estar cheia mas não muito estufada( caso esteja assim, pode ser sinal de vermes). Observe se há algum sobressalto( pode ser hérnia umbilical), cheque as patas por alguma deformidade.


  • Veja se o gato não está mancando ou com algum outro problema.


  • Sua pelagem deverá ser suave e sem bolas de pelos embaraçados. Veja se a pele tem caspas ou áreas com falta de pelos( isso é sinal de micose). Veja também a presença de pulgas( elas deixam pequenos pontos pretos) e outros parasitas.


  • Procure sinal de diarréias ou vermes.O Ânus e a vulva( se for fêmea) devem estar limpos.


  • Apare as unhas usando um cortador de unhas ou alicate próprio para unhas de animais. Corte sempre a pontinha da unha, e tenha certeza de que não está atingindo a parte rosada que é extremamente sensível.

  • Dê sempre uma boa alimentação, para seu gato ter sempre muita saúde. Rações secas e úmidas de qualidade poderão ser encontradas nos Pets Shops. Se o gato é filhote use a própria para a idade dele.


  • A água deverá sempre estar disponível, limpa e fresca.

OBS: Seu gato não tem 7 vidas...! Fale com o veterinário antes de dar qualquer medicamento.



Crônica de Carlos Drummond de Andrade

''O gato vive um pouco nas poltronas, no cimento ao sol, no telhado sob a lua. Vive também sob a mesa do escritório, e o salto preciso que ele dá para atingi-la é mais do que impulso para a cultura. É o movimento civilizado de um organismo plenamente ajustado às leis físicas, e que não carece de suplementos de informação. Livros e papéis, beneficiam-se com a sua presteza austera. Mais do que a coruja, o gato é símbolo e guardião da vida intelectual.''


Eu tenho um gato Persa cinza parecido com a foto! O nome dela é Sophie e eu e minha família estamos à procura de um gato para ela ter filhotes!

2 comentários:

  1. Lary muito interessante esse sua postagem vc realmente é uma verdadeira bolgueira!
    P.S:Seu blog tá lindo!
    Bjus!

    ResponderExcluir